Papai Noel corredor

Paulo Vieira

Tag: , , , , , , ,

Se você não aproveitou os preços da Sexta-feira preta, é bom saber que a depressão econômica vem fazendo as promoções se estenderem. E já que vai mesmo comprar alguma coisa para os sobrinhos, fomos atrás de algumas opções para um Natal corredor.

Para as mulheres, o Hitogami 2, R$ 299,99 na Velocità

Mizuno Hitogami, 300 pratas na Velocità
Mizuno Hitogami, 300 pratas na Velocità

Asics Gel Kayano, também para as mulheres, R$ 349,99, também na Velocità

O famoso Gel Kayano, 350 paus na Velocità
O famoso Gel Kayano, 350 paus na Velocità

E pra quem, como eu, curte um minimalismo, o Saucony Hattori, R$ 150, vários tamanhos para homens e mulheres. Na Velocità

Saucony Hattori, o minimalista lançado ano passado, 150 pratas
Saucony Hattori, o minimalista lançado ano passado, 150 pratas

O GUIA DO TÊNIS MINIMALISTA

Se decidir entrar na pilha, um GPS basicaço da Garmin, mas que, com o dólar pela hora do Cunha, até que dá para encarar, também na Velocità

GPS basicaço, R$ 700
GPS basicaço, R$ 700

 EU E MEU GARMIN (E MEUS NIKE)

Nike Free 5.0, o modelo melhorado deste ano, na loja do Mercado Livre (nem sabia que eles tinham loja própria), R$ 349,90

Nike Free 5.0, o modelo 2015, R$ 349,90 no Mercado Livre
Nike Free 5.0, o modelo 2015, R$ 349,90 no Mercado Livre

NIKE FREE E SEUS AMIGOS 

E nas promoções de Natal da Netshoes, um Asics Gel Cumulus 16, R$ 299,90

Asics Gel Cumulus 16, 300 contos na Netshoes
Asics Gel Cumulus 16, 300 contos na Netshoes

Por fim, mas seguramente not the least, o Manto Sagrado Rubro-verde de 2015, R$ 169,90 na Netshoes. Dá uma olhada também na Lusa Store (site fora do ar até o fechamento desta postagem).

Uniforme de 2015, R$ 170 na Netshoes
Camisa oficial da Lusa de 2015, 170 mambos na Netshoes

 PORTUGUESA, VOCÊ FAZ PARTE DE UMA GRANDE FAMÍLIA

A CORRIDA DA NETSHOES

/ 986 Posts

Paulo Vieira

Influenciado pelo velho “Guia completo da corrida”, do finado James Fixx, Paulo Vieira fez da calça jeans bermuda e começou a correr pela avenida Sumaré, em São Paulo, na adolescência, nos anos 1980. Mais tarde, após longo interregno, voltou com os quatro pés nos anos 2000, e agora coleciona maratonas – 9 (4 em SP, 2 Uphill Rio do Rastro, Rio, UDI e uma na Nova Zelândia), com viés de alta – e distâncias menos auspiciosas. Prefere o cascalho de cada dia às provas de domingo e faz da corrida plataforma para voos metafísicos, muitos dos quais você encontra nestas páginas. Evoé.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado ou compartilhado e os campos obrigatórios estão marcados com asterisco (*).

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.