Correndo todo dia há 28 anos

Paulo Vieira

Tag: , , , , , , ,

NO PRINCÍPIO, ERA SÓ UM desafio com o amigo Antônio Carlos Fiore, outro corredor da pesada, maratonista sub 3 horas e, se computados todos os quilômetros já corridos na vida, detentor de algumas voltas em torno da Terra.

Mas o paulistano Wanderlei Oliveira tornou a provocação um hábito diário, e hoje já são 28 anos correndo todos os dias.

Todos os dias não aparece aqui como força de expressão. Seu significado é literal: inclui os dias 29 de fevereiro, temporadas de seca, dilúvios, jornadas intermináveis passadas dentro de aviões e aeroportos de conexão etc. Desde 1990.

CORRER TODO DIA FAZ BEM?

UMA PLANILHA PARA COMEÇAR A CORRER, POR WO

NIKE FREE E SEUS AMIGOS

Se correr todo dia pode não fazer bem a todo mundo, como ficou estabelecido no post de ontem (linkado acima), isso certamente fez – e faz – bem a Wanderlei Oliveira, o WO.

Sua média geral é de 10K por dia, 300K por mês, 3500 a 3600K por ano, embora em certos anos, caso de 2012, o “acumulado” tenha chegado a 4 000K.

Na somatória geral WO coloca bem poucas provas, pois ele anda cada vez mais econômico nisso. Em 2018 não acrescenta maratonas à sua coleção de 24. Soma sim duas meias, a primeira em Lisboa, em março.

 

O que ele pretende mesmo é seguir mantendo a média de 10K e a saúde invejável. WO diz que nesses quase 30 anos jamais teve qualquer impedimento para correr de ordem física – coloque aí zero resfriado, dengue, entorses, cobreiro – e de quaisquer outras ordens.

Ano que vem, quando faz 60 anos, faz os 42K de Nova York, uma espécie de desagravo à primeira mara que correu na vida, quando tinha 32 anos, em 1991, em companhia do empresário João Paulo Diniz.

Mas ele não recomenda sua dieta de quilômetros para todo mundo. “Tem sim contra-indicação correr todo dia. Depende de cada pessoa. Eu corro sem objetivos, com prazer, na natureza”. Mas WO também faz treinos de qualidade em pista, e se for para deitar o cabelo, ele deita.

Hoje pela manhã fez um teste de 3K correndo a pace 4:30. A feijoada vai ficar mais saborosa.

WO começou no atletismo como velocista, ainda moleque, e diz que suas lesões são dessa época, quando corria distâncias de 200 e 400 metros rasos.

Muito difícil tentar emular a rotina do sujeito. Alimenta-se frugalmente, dorme cedo, acorda sempre às 4 da manhã, faz cerca de uma hora de posturas de ioga, atividade que precede seu cascalho.

Quer chegar exatamente assim aos 126 anos.

/ 817 Posts

Paulo Vieira

Influenciado pelo velho “Guia completo da corrida”, do finado James Fixx, Paulo Vieira fez da calça jeans bermuda e começou a correr pela avenida Sumaré, em São Paulo, na adolescência, nos anos 1980. Mais tarde, após longo interregno, voltou com os quatro pés nos anos 2000, e agora coleciona maratonas – 6, com viés de alta – e distâncias menos auspiciosas. Prefere o cascalho de cada dia às provas de domingo e faz da corrida plataforma para voos metafísicos, muitos dos quais você encontra nestas páginas. Evoé.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado ou compartilhado e os campos obrigatórios estão marcados com asterisco (*).

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.