Dia Internacional da (corrida com) Cerveja

Paulo Vieira

SEI QUE VOCÊ NÃO PRECISA de pretexto nenhum para entornar umas e muitas outras, mas veja que interessante a celebração do Dia Internacional da Cerveja neste 4 de agosto: já que você vai tomar uma por conta da efeméride – na verdade porque é sexta, né? –, que tal correr um pouquinho também?

Se você, como eu, corre para entre tantas outras coisas matadoras – veja nossas 51 razões para correr – poder beber sem fazer conta de calorias, toca aqui: juntaram-se a sede com a vontade de beber.

Mas não é só ir colocando o cotovelo no balcão sujo. Há um decoro a seguir. Se correr pela manhã, já dá para liberar a birita no almoço, desde que o seu trabalho assim o permita. Dentistas, cirurgiões, jardineiros, motoristas de Uber: não recomendo.

Preferindo o fim da tarde/começo da noite, basta só tomar aquele banhinho e partir para o abraço.

Leia mais sobre corrida e cerveja nos links abaixo:

BEER MILE, UMA CERVEJA A CADA 400 METROS

A MARATONISTA CERVEJEIRA

MAIS BIRITA, MAIS PERFORMANCE

LET’S GET HIGH

METEU O PÉ NA JACA, E PRA TREINAR NO DIA SEGUINTE?

BEBER, CAIR, CORRER

E SERÁ QUE CERVEJA HIDRATA MAIS DO QUE ÁGUA?

 

Tagged: , , , , , , , ,

/ 728 Artigos

Paulo Vieira

Paulo Vieira corre pelas ruas de São Paulo desde os 15 anos e pelo mundo desde os 32, quando passou uma temporada em Londres. Adora correr em estradas rurais, descobrir novos caminhos e ir e voltar do Pico do Jaraguá. Mas agora anda frequentando também treinos no Parque Villa-Lobos às 7 da manhã com seu tênis minimalista - desde que a Lusa não jogue na véspera.

Deixe seu comentário

* Campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.