6 truques para manter a forma no Carnaval

Julia Zanolli

A gente mal se recuperou da esbórnia do Natal e da farra do Ano Novo e o Carnaval já deu as caras neste famigerado 2016. Por isso reunimos algumas sugestões espertas para quem enfiar o pé na jaca com moderação. Confira:

1. Vá de tênis pro bloquinho
Faz bem para as suas panturrilhas e protege os pés de cacos de vidro, pisadas e demais ameaças.

2. Beba (muita) água
A gente não vai te falar pra não beber… porque, né? Não temos moral alguma. Mas tente intercalar a breja & demais alcoólicos com uma aguinha esperta. Parece óbvio, mas quando o samba começa é uma latinha atrás da outra. Você pode até levar sua própria hidratação e economizar umas dilmas. Bônus: 7 dicas para se hidratar neste calor insano.

3. Treine cedo
Embora alguns blocos comecem antes do almoço, o bicho costuma pegar mais na parte da tarde. Então tente organizar seus treinos de manhã, antes de cair na gandaia. As chances de você estar muito louco e pular o treino à noite são maiores se deixar a corrida para mais tarde.

4. Capriche no alongamento
Seus músculos vão estar pedindo arrego se você passar horas em pé atrás da bateria. Alongue, sobretudo os membros inferiores, para acordar zerado no dia seguinte.

5. Não corra se ainda estiver bêbado
Sabe aquela história de “suar” o álcool? Balela. Também não vale a pena encarar o treino se a ressaca estiver brava, pois isso provavelmente é um sinal de que você está desidratado. Volte ao item 2.

6. Chega de desculpas
Já que o ano só começa depois do Carnaval, acabaram de vez as desculpas para não começar (ou voltar) a correr. A quarta-feira de cinzas vai chegar pra todo mundo, malandro.

Tagged: , , , ,

/ 219 Artigos

Julia Zanolli

Julia Zanolli começou a correr em nome do bom jornalismo quando foi trabalhar na revista Runner’s World sem entender nada do assunto. A obrigação virou curtição, mesmo depois de sair da revista. Se livrou do carro para poder andar a pé pela cidade, mas é fã assumida de esteira. Prefere falar de comida do que de nutrição e acha que ter tempo é muito melhor do que matá-lo.

Deixe seu comentário

* Campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.