5 estratégias para queimar mais calorias com a corrida

Julia Zanolli

A corrida é uma das melhores aliadas de quem quer perder peso. Não requer técnica nem investimento em equipamentos, como outros esportes, pode ser praticada em quase qualquer lugar e é uma das atividades que mais queima calorias: são cerca de 70 a cada quilômetro correndo.

Naturalmente, o gasto exato depende de fatores como seu gênero, idade, peso e velocidade. Mas existem alguns truques que podem fazer com que você otimize o gasto calórico com o treino e aproveite ao máximo os benefícios da corrida. Confira abaixo.

1. Desafie-se
Se você sempre corre a mesma distância, na mesma velocidade, no mesmo local em todos os treinos, seu corpo provavelmente já se acomodou a essa rotina e faz menos esforço para cumpri-la. “A moda já foi intervalado, musculação com muita carga, baixa carga, circuito… mas hoje a regra são treinos dinâmicos. Quanto mais diversificado, maiores são os estímulos”, afirma Marcos Soares, fisiologia do exercício e coordenador da assessoria Equipe Trainer.

2. Tenha uma alimentação equilibrada
Para perder peso o importante é consumir menos calorias do que gasta. Corredores têm necessidades nutricionais específicas que precisam ser respeitadas e tentar fazer exercício com a barriga vazia pode ser uma furada. Mesmo de dieta, não corte nenhum grupo alimentar e alimente-se bem antes e depois dos treinos.

3. Treine regularmente
Consistência é fundamental para quem quer ver resultados. Ter um programa de treinos, que pode ser elaborado por um profissional de educação física, ajuda a manter a motivação em alta e o comprometimento com o exercício. Além disso, a planilha já pode ser elaborada pensando especificamente na perda de peso.

4. Faça musculação
Além de ajudar a definir o corpo e dar mais potência para a corrida, a musculação também aumenta seu metabolismo basal, ou seja, a quantidade de calorias que seu organismo precisa diariamente. Como o corpo gasta mais energia para manter músculos do que gordura, você gastará mais calorias mesmo  em repouso. Ótimo negócio, não?

 5. Invista em velocidade e em distância
Enquanto os treinos rápidos turbinam o metabolismo, correr por mais tempo (acima de 30 minutos) garante uma queima calórica mais prolongada. Os longos também ajudam a fortalecer o sistema cardiorrespiratório, tendões e músculos, para que você possa correr com mais consistência a cada treino.

Tagged: , , , ,

/ 219 Artigos

Julia Zanolli

Julia Zanolli começou a correr em nome do bom jornalismo quando foi trabalhar na revista Runner’s World sem entender nada do assunto. A obrigação virou curtição, mesmo depois de sair da revista. Se livrou do carro para poder andar a pé pela cidade, mas é fã assumida de esteira. Prefere falar de comida do que de nutrição e acha que ter tempo é muito melhor do que matá-lo.

1 Comentário

  1. jose anesio moura

    eu corro e gostei muito de ser orientado eu estou acima do meu peso um pouco eu tenho um metro e setenta e oito de altura e hoje estou pesando 91k

    Reply

Deixe seu comentário

* Campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.